fbpx
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
Share on linkedin

Tudo o que você precisa saber sobre a prevenção contra o câncer de mama

Todo ano, em outubro, a internet, as ruas, as roupas, as fachadas de lojas, tudo tem a cor rosa. E por que todo ano é a mesma coisa? Porque o câncer de mama ainda é o tipo mais comum entre as mulheres no Brasil e no mundo, atrás apenas do câncer de pele não melanoma, de acordo com o INCA (Instituto Nacional do Câncer). A cada ano, 25% dos novos casos de câncer correspondem ao câncer de mama. No Brasil, o percentual sobe para 29%.

Os números denunciam que ainda há muito a fazer em termos de conscientização, e o objetivo deste post é te contar tudo o que você precisa saber sobre a doença e como evitá-la. Vamos lá?

O que é câncer de mama?

O câncer, de forma geral, se trata de uma multiplicação anormal e desordenada de células no nosso organismo, de forma incontrolável, atingindo tecidos e órgãos. Assim, o câncer de mama é a multiplicação desordenada das células da mama, formando um tumor. Cada tumor tem suas próprias características, podendo se desenvolver rápida ou lentamente.

Quais são as causas do câncer de mama?

A doença se dá por inúmeros fatores, que podem ser genéticos, hereditários, comportamentais ou relacionados a questões hormonais. Os únicos fatores sobre os quais você pode fazer algo a respeito são os comportamentais ou até os hormonais. Por isso, vamos nos concentrar neles.

Fatores comportamentais:

  • Consumo de bebida alcoólica
  • Obesidade e sobrepeso
  • Exposição frequente a Raios X
  • Sedentarismo
  • Alimentação não saudável

Fatores hormonais:

  • Uso de contraceptivos
  • Reposição hormonal após a menopausa
  • Primeira gravidez depois dos 30 anos

Como me prevenir o câncer de mama?

Sabendo quais são os principais fatores para o aparecimento do câncer de mama, fica mais fácil deduzir o que é preciso fazer para se prevenir, não é mesmo?

Alimentação saudável e exercícios físicos

Não só contra o câncer de mama, mas para nossa saúde como um todo, essas duas atitudes são essenciais. De acordo com o Ministério da Saúde, ter uma alimentação saudável e praticar exercícios físicos pode reduzir em até 28% o risco do câncer de mama.

Em relação à alimentação, o recomendado é evitar ao máximo os alimentos industrializados, como os enlatados, ou carnes processadas. Assim, você também estará controlando o seu peso, outro fator de risco para o câncer. Prefira frutas, legumes e verduras, que além de conterem vitaminas e minerais, possuem substâncias antioxidantes, que protegem contra vários tipos de câncer.

Não fumar

O cigarro contém cerca de 4.700 substâncias tóxicas, que causam uma série de doenças. Entre elas, o câncer. Estima-se que cerca 30% dos casos de câncer tenham o tabagismo como fator principal. Por isso, se você fuma, precisa tomar uma difícil decisão. Não tenha medo de pedir ajuda de profissionais da área da saúde.

Não ingerir bebidas alcoólicas

O álcool também é um grande causador da doença. Aliás, de mais 200 tipos de doenças. Diminuir o consumo da bebida pode reduzir as chances de desenvolver câncer, mas a Fundação Nacional do Câncer afirma que o mais recomendado é evitar o álcool por completo ou o máximo possível.

Evitar a ingestão de hormônios sintéticos

Se for necessário fazer reposição hormonal após a menopausa, converse bastante com seu médico. O tratamento deve ser totalmente controlado por ele e por tempo limitado.

Realizar o autoexame

O diagnóstico precoce aumenta muito as chances de cura e sucesso no tratamento. Por isso a importância de a própria mulher fazer o autoexame e estar atenta a qualquer mudança nas mamas, procurando um médico imediatamente caso note algo diferente.

Exame de mamografia

O exame também é importante para o diagnóstico na fase inicial da doença. Mulheres a partir dos 40 anos devem fazer a mamografia anualmente. No entanto, não se deve substituir o autoexame.

Fonte: Tudo o que você precisa saber sobre a prevenção contra o câncer de mama | Clínica da Cidade » Medicina Acessível (clinicadacidade.com.br)

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência no nosso site.